Tudo sobre Ordem de Serviço

Para quem trabalha com prestação de serviços esse documento não é novidade, mas nem todo mundo sabe da sua importância e pontos de atenção. 

Antigamente, esse documento era feito manualmente, mas hoje é possível utilizar o modelo digital que reduz trabalho manual e repetitivo, além de ganhar tempo para consultas de informações e organização de documentos.  

O que é Ordem de Serviço? 

A Ordem de Serviço (OS) é um documento formal e obrigatório que registra e formaliza o serviço a ser prestado de uma empresa para um cliente e ele está ligado a Nota Fiscal de Serviço (NFSe).  

O documento contém as seguintes informações:  

  • Número da ordem de serviço 
  • Descrição do serviço a ser realizado 
  • Valor a ser cobrado  
  • Local de prestação do serviço 
  • Dados do cliente (nome/razão social, CPF/CNPJ, endereço, telefone, etc.) 
  • Data de emissão 
  • Forma de pagamento. 

Para que serve? 

A OS facilita o gerenciamento do que precisa ser feito, para quem é o serviço, quais as condições de pagamento negociadas, orientações de segurança para os prestadores, recursos necessários para execução, e outras informações importantes para a entrega. 

Quem utiliza a OS? 

O documento oficializa atividades de prestação de serviço, como manutenção de algum equipamento, limpeza de ambientes, transporte, consultoria, criações de marketing e outras áreas de atuação. 

Ou seja, qualquer empresa ou profissional que é prestador de serviço deve ter em sua rotina a emissão desse documento.  

Quando deve ser feita uma Ordem de Serviço? 

Quando o cliente chega com uma demanda e solicita orçamento, a empresa deve negociar com o cliente qual será o tamanho dessa demanda, o que envolve a execução dela, quantas horas, materiais e recursos que serão utilizados, além negociar formas de pagamento, valores e prazos.  

Essas informações precisam constar em uma Ordem de Serviço que pode ser emitida digitalmente por Sistemas de Gestão Integrada.  

Quais são as vantagens de utilizar a Ordem de Serviço? 

  • Além de ser um documento obrigatório, ele simplifica e organiza o processo durante a prestação de serviço. 
  • Com ele a empresa tem um controle melhor de quantidade de pedidos, capacidade produtiva da equipe e recursos necessários para os projetos.  
  • Além de garantir a qualidade da entrega, com tudo que foi solicitado no prazo.  
  • Facilita o cálculo de materiais, horas alocadas e pessoas necessárias para a execução do projeto. 
  • Formaliza o pedido, garantindo segurança para o prestador e cliente.  
  • Auxilia no gerenciamento financeiro, com fácil visualização de precificação e ganhos de projetos.  

Como fazer a gestão correta da Ordem de Serviço? 

Para ter esse controle preciso e efetivo, é importante contar com um sistema de gestão que automatiza o processo.  

Esses sistemas padronizam o preenchimento dos documentos, integram a emissão com todo o processo de venda e pagamento, além de armazenar o documento com segurança e facilitar o acesso para consultas necessárias. 

Tanto com o SisMoura ou o O.S. Moura a sua empresa tem a Ordem de Serviço integrada a outras necessidades, como controle financeiro, cadastros e mais, considerando a particularidade de cada empresa. 

Outros posts